Olá, faça o Login ou Cadastre-se

  Conte sua históriaClaudia Sayuri Yoshida › Minha história

Claudia Sayuri Yoshida

Santo André / São Paulo - Brasil
42 anos, Designer Gráfico

As origens


Meus avós paternos viviam na província de Fukushima, onde levavam uma vida estável. Meu avô Kikuei Yoshida era filho de fazendeiros e minha avó Miki também.

Minha avó conheceu meu avô muito jovem qdo apenas tinha 17 anos de idade e decidiram se casar assim na espectativa de começar uma vida juntos, decidiram imigrar para o Brasil 70 anos atrás. Desembarcaram em Santos vindos no navio Burajiru-Maru.

Meu avô era um jovem muito bonito, alto e forte integrante da Marinha Imperial (Dai Nippon Teikoku Kaigun) ou Nippon Kaigun.

Eu soube a poucos anos através de tímidos depoimentos do meu pai, é que meu avô, serviu na marinha durante 8 anos e estes 8 anos ele praticamente morou num porta aviões. O treinamento consistia em nadar kilômetros e kilômetros e não se podia resgatar os marinheiros em treinamento, apenas se este estivesse a beira da morte. Ele navegou por todo o mundo, e meu pai, com um sorrizo estampado no rosto, conta nos emocionado e muito orgulhoso sobre a vida de seu pai. Infelizmente, eu e meu irmão tomamos conhecimento a cerca de 2 anos atrás,muitos anos após o falecimento de ambos avós, portanto, não pudemos aprofundar os detalhes para montar a bibliografia deles. O motivo o qual meu pai revelou as histórias foi por muita insistência minha ao sempre ver um quadro muito antigo pendurado na casa dos falecidos avós. Este me despertara interesse profundo em saber por qual motivo eles tinham um retrato de um porta-aviões. Assim, aos poucos fui descobrindo fotografias e um álbum, uma espécie de livro enviado pelo governo japonês para meu avô com todas as trajetórias da batalha na 1ª Guerra Mundial a qual meu avô servira.

Meu pai conta que após a vinda ao Brasil, ainda inúmeras cartas de condecoração e premiações foram enviadas pelos serviços prestados durante a Guerra para meu avô Kikuei, mas que todos foram devolvidos por minha avó que dizia "abandonamos nossa pátria, não podemos aceitar tais méritos". Até hoje, insisto muito para resgatar histórias como esta de meu pai, mas parece algo que pesa muito para ser revelado. Hoje tenho 30 anos, meu avô faleceu quando eu apenas tinha 11 anos e minha avó nos deixou a 7 anos. Gostaria de ter conversado mais a respeito de tudo isso que eles deixaram para trás, porque minha família sempre foi muito tradicional, manter viva a história da família.

Um de meus projetos é reunir todas estas informações dentre os familiares e montar um livro de memórias e fotografias de época dos meus avós. É uma forma de homenagear quem tanto sofreu e se arriscou vindo para um país totalmente desconhecido e enfrentou todas as dificuldades de língua, climáticas, financeiras. Uma maneira de reconhecer a coragem destas pessoas que hoje nos deram a base do que sou hoje.


Enviada em: 21/06/2008 | Última modificação: 21/06/2008
 

 

Comentários

  1. tomodachi @ 14 Abr, 2008 : 02:23
    sayuri!muitas felicidades!

  2. tomodachi @ 14 Abr, 2008 : 02:28
    como vai familia?qnto tempo desde k vc morava tokorozawa!drift.x.treme15@docomo.ne.jp

  3. Issao Minami @ 7 Ago, 2008 : 18:58
    Bom encontrar gente designer como voce Abraços Issao Minami labim@usp.br

  4. Airton @ 22 Nov, 2010 : 14:05
    Sempre achei memorável todos esses fatos que envolvem a migração do povo japones. é um tempero que tanto falta ao povo brasileiro e me sinto grato por vcs trazerem essa mistura e todos nós nos tornarmos um povo só. somo todos brasileiros. Sobre o projeto e memorias, eu entendo bem o desejo de documetar isso em um livro que se possa foliar e preservar.. mas tb acho que a herança que seu vó criou e trouxe, reside em vc, em seu pai.. enm todas as pessoas da comunidade de ele ajudou, protegeu e conversou. Porque quando as pessoas te conheçem ou até mesmo sentem a áuria que da felicidade, diciplina e tratição, quando as pessoas tem contato com isso.. elas já provam deste presente inestimável que é a vida do seu avó e que está dentro de vc.

Comente



Todo mundo tem uma história para contar. Cadastre-se e conte a sua. Crie a árvore genealógica da sua família.

Árvore genealógica

Histórias

Vídeos

  • Nenhum vídeo.

» Galeria de fotos

  • Nenhuma foto.

Áudios

  • Nenhum áudio.
 

Conheça mais histórias

mais perfis » Com o mesmo sobrenome

mais perfis » Com a mesma Província de origem

 

 

As opiniões emitidas nesta página são de responsabilidade do participante e não refletem necessariamente a opinião da Editora Abril


 
Este projeto tem a parceria da Associação para a Comemoração do Centenário da Imigração Japonesa no Brasil

Sobre o Projeto | Cadastro | Fale Conosco | Divulgação |Termo de uso | Política de privacidade | Associação | Expediente Copyright © 2007/08/09 MHIJB - Todos os direitos reservados