Olá, faça o Login ou Cadastre-se

  Conte sua históriaVictor Silva › Minha história

Victor Silva

São Carlos / SP - Brasil
38 anos, pesquisador

Minha gratidão à comunidade nipo-brasileira


Lembro-me claramente de, quando pequeno, acompanhar a minha avó em suas compras no Ikesaki no bairro da Liberdade, uma grande loja de cosméticos que ela visitava quase que mensalmente por conta de sua escola de cabeleireiros aqui na minha cidade, São Carlos. Sempre que ela me avisava que estava indo para São Paulo na Liberdade a minha resposta era automática: é claro que vou. Desde então, passei por vários dias andando no que todo mundo chama de “bairro japonês” de São Paulo e passeando por suas intrincadas ruas e vielas cujas fachadas das lojas, os postes de iluminação e obviamente pelas pessoas que lá freqüentam, simbolizavam uma outra cultura e um outro povo dentro daquela cidade...

É óbvio que minhas incontáveis visitas à Liberdade quando pequeno marcaram o meu apreço pela cultura japonesa, mas também seria bastante injusto se não contasse também que minha família sempre nos levava (somos em três irmãos aqui) para templos, casas, jardins e restaurantes japoneses. Confesso que até hoje eu não sei direito onde encontrar todos em que eu fui quando criança, me lembrando apenas do Recanto Japonês de Poços de Caldas, Minas Gerais e do Pavilhão Japonês dentro do Ibirapuera em São Paulo, pavilhão em que passei inúmeras tardes de domingo.

Não posso explicar as razões pelo qual iniciei minhas aulas de nihongo, devorei os filmes do Kurosawa ou entrei com grande vontade na “cultura japonesa” uma vez que tudo me pareceu muito automático e confortável, quase que como um caminho natural das coisas. Hoje estou concluindo o meu Mestrado em Ciências Sociais cujo tema de pesquisa é a comunidade japonesa aqui no Brasil, já prestes a iniciar outro estudo para o Doutorado. Não preciso dizer mais do meu apreço e da minha admiração pela cultura japonesa e dos descendentes de japoneses que residem aqui no Brasil, mas sim dizer que por eles tenho a minha profunda gratidão.


Enviada em: 11/10/2007 | Última modificação: 09/10/2007
 

 

Comentários

  1. Nilson H. Taninaga @ 5 Jan, 2008 : 14:13
    . Bonito depoimento Victor. Fiquei sensibilizado e lhe desejo o desenvolvimento de uma excelente tese de doutorado. Estou no Japão desde 92 e se tiver interessado obter informações daqui - da colônia, cultura etc - é só entrar em contato. Estou no processo de criação de um perfil e depoimento. Abração, Nilson .

  2. Cris @ 9 Mai, 2008 : 17:22
    A gente que está sempre em contato com ele sabe a admiração e o empenho que ele tem em sua pesquisa. Beijos, Cris

Comente



Todo mundo tem uma história para contar. Cadastre-se e conte a sua. Crie a árvore genealógica da sua família.

Árvore genealógica

Nenhuma árvore.

Histórias

Vídeos

  • Nenhum vídeo.

» Galeria de fotos

  • Nenhuma foto.

Áudios

  • Nenhum áudio.
 

Conheça mais histórias

mais perfis » Com o mesmo sobrenome

 

 

As opiniões emitidas nesta página são de responsabilidade do participante e não refletem necessariamente a opinião da Editora Abril


 
Este projeto tem a parceria da Associação para a Comemoração do Centenário da Imigração Japonesa no Brasil

Sobre o Projeto | Cadastro | Fale Conosco | Divulgação |Termo de uso | Política de privacidade | Associação | Expediente Copyright © 2007/08/09 MHIJB - Todos os direitos reservados