Olá, faça o Login ou Cadastre-se

  Conte sua históriaLuís Yukio Kusano › Minha história

Luís Yukio Kusano

Taubaté (SP)
78 anos, empresário

Tédio no navio


Dormir e comer. Só isso que fiz durante os dois meses em que viajei do Japão para o Brasil. O navio fez a rota pelo oeste, que levava mais tempo, cerca de 60 dias. Ele parava em vários portos e ficava alguns dias, pois além dos passageiros, levava cargas.

Embarquei no navio Ruys em 12/12/1964, no porto de Yokohama. Cheguei ao porto de Santos, em fevereiro, completei meus 24 anos no Brasil. Adotei o nome Luís aqui no Brasil.

Incentivado por minha irmã Ikuko, eu aprendi em Tóquio a trabalhar como ferramenteiro, que era um profissional muito procurado aqui no Brasil naquela época. Em pouco mais de 15 dias após minha chegada aqui, já estava empregado em uma empresa de Ribeirão Pires, com um ótimo salário. Cheguei ao Brasil na hora certa. Aos 27 anos de idade, já era chefe em outra empresa, na Lapa em São Paulo.

No meu trabalho como ferramenteiro, não precisava muito conversar com as pessoas. Eu recebia o desenho e pronto. Em casa, conversava em japonês com minha esposa, que veio do Japão para o Brasil comigo. Não me esforcei para aprender o português, sou preguiçoso para isso e até hoje falo com sotaque.


Enviada em: 24/01/2008 | Última modificação: 10/03/2008
 
« Dúvida: retornar ou não ao Japão? Fuga para Tóquio »

 

Comentários

  1. Elisa K. @ 6 Mai, 2008 : 15:41
    Sr. Kusano, fico feliz ao saber que o saldo destas idas e vindas que o destino lhe reservou, tenha resultado nessa estabilidade que lhe permite gozar dos elementos mais simples da vida, como a jardinagem e eventuais viagens. Foi necessário percorrer milhares de quilômetros nessas andanças, para concluir que a felicidade estava tão próxima: o afeto de amigos e familiares. Um bem que não conhece país. Abraços, Elisa.

  2. Yamato King @ 20 Mai, 2008 : 22:16
    ...Historia muito comovente a de Vossa Pessoa!

  3. Mariana C. @ 15 Abr, 2009 : 11:10
    Sr. Kusano, achei muito interessante a sua história e de sua família, fico feliz que o senhor as tenha compartilhado. Felicidades! :)

  4. mario katsuhiko kimura @ 15 Abr, 2009 : 20:18
    Kusano-sam, Parabens pelas narrativas. Vejo que a crise é ciclica, meus pais vieram em face da crise da primeira guerra e depressão do EUA, o senhor em razão da crise em decorrencia da segunda guerra, de certo ocorrerá outras imigrações em face da atual crise. Saude, paz e sucesso nos seus sonhos

Comente



Todo mundo tem uma história para contar. Cadastre-se e conte a sua. Crie a árvore genealógica da sua família.

Árvore genealógica

Nenhuma árvore.

Histórias

Vídeos

  • Nenhum vídeo.

| mais fotos » Galeria de fotos

Áudios

  • Nenhum áudio.
 

 

 

As opiniões emitidas nesta página são de responsabilidade do participante e não refletem necessariamente a opinião da Editora Abril


 
Este projeto tem a parceria da Associação para a Comemoração do Centenário da Imigração Japonesa no Brasil

Sobre o Projeto | Cadastro | Fale Conosco | Divulgação |Termo de uso | Política de privacidade | Associação | Expediente Copyright © 2007/08/09 MHIJB - Todos os direitos reservados