Olá, faça o Login ou Cadastre-se

  Conte sua históriaCarlos Nakao › Minha história

Carlos Nakao

São Paulo
47 anos, executivo financeiro

Minha família, minha história


Com muito orgulho sou neto de japoneses. Meus avós paternos, da família Nakao, são da cidade de Iwakuni, na província de Yamaguti, ilha de Honshu. Chegaram ao Brasil em 1927 e se estabeleceram primeiramente em Guaiçara-SP e posteriormente em Guararapes-SP. Meus avós maternos, da família Takemiya, são da cidade de Tamana, província de Kumamoto, ilha de Kyushu. Chegaram ao Brasil em 1932 e se estabeleceram primeiramente em Cajuru-SP e posterioremente em Marialva-PR.

Minha história começou em São Paulo, cidade onde meus pais se conheceram. Tenho duas irmãs e sou o mais novo dentre os três filhos. Com muita determinação, minha família se adaptou e venceu desafios em São Paulo. Meus pais obtiveram títulos acadêmicos importantes que colaboraram decisivamente em nossas vidas, sendo meu pai engenheiro civil formado pela USP e minha mãe técnica em contabilidade. Tanto eu quanto minhas irmãs igualmente valorizamos a formação acadêmica: a mais velha é médica formada na USP; a do meio é administradora pela USP e advogada pela UNIP; e eu sou engenheiro pela USP, pós em administração na FGV e mestre em economia pela PUC. A educação é um dos pilares de minha família e ajudou decisivamente na formação de meu caráter.

Sou casado com uma nipo-brasileira, fruto de uma miscigenação maravilhosa. Minha esposa é mestiça, sendo seus avós paternos da família Watanabe, de Fukuoka na ilha de Kyushu, e de Okayama, na ilha de Honshu. Chegaram ao Brasil em 1929 e se estabeleceram primeiramente em Guaraçaí-SP e após diversas migrações, vieram a se estabelecer na capital do estado de São Paulo. Quanto a seus avós maternos, não são descendentes de japoneses, são da tradicional família Andrade, que já estava estabelecida a muitos anos no Nordeste do Brasil.

Acredito que os imigrantes que, assim como meus avós, escolheram o Brasil como nação, decidiram por um país maravilhoso e que oferece todas as condições para que os descendentes sejam muito felizes. Aqui, diversos povos e diversas culturas convivem em harmonia. Particularmente nós, os nipo-brasileiros, somos extremamente bem aceitos por toda a sociedade. Freqüentemente somos vistos como exemplos de honestidade, integridade e inteligência, os traços característicos da cultura japonesa.


Enviada em: 11/10/2007 | Última modificação: 18/10/2007
 
« O Aprendiz 3

 

Comentários

  1. Fabio Mera @ 12 Dez, 2007 : 23:53
    Seus Avós Paternos que chegaram em 1927, chegaram em 21 de Julho no Santos Maru?

  2. Yassuda Renato @ 11 Jan, 2008 : 12:05
    Prezado Carlos; Parabéns por seu depoimento e pelo seu desempenho no Aprendiz 3. Desejei que você fosse vitorioso no programa, mas aquilo era também um show televisivo e portanto, dependia de outros fatores. Se puder leia "minha história" no meu perfil. Ficarei muito grato e honrado com sua atenção.

  3. Fuji Nakombi @ 9 Fev, 2008 : 21:01
    Depoimento muito emocionante e verdadeiro..mostrando a força e a vontade de vencer!! Parabéns!!

  4. Caroline @ 25 Jul, 2008 : 14:52
    Será que temos parentesco? Uma parte da minha família á nakao mas não temos muito contato.

  5. Greyce Lee Nakao @ 15 Set, 2008 : 03:18
    ...primo? X ) ...naum sei neh, mas tb sou Nakao, de Guararapes... ...meu nome eh Greyce Lee Nakao (serio, eh esse o meu nome msm...) ...Err!... X P ...neta d Masato Nakao, e Filha de Nilo Nakao (Hachiro), conhece? = ) ...vc tem orkut? (hehehe... sua possivel prima eh baka msm...) X P ...bom, prazer em te "conhecer"! um abraco, p vc e sua esposa...

  6. Greyce Nakao @ 15 Set, 2008 : 04:03
    weeeeee! ...me cadastrei tb!!! X ) ...entao Carlos, eu copiei a historia dos seus avos paternos, da familia Nakao, ok? ...eh q eu naum sei bem de onde o "jichan" veio... e o papai anda meio ocupado p eu perguntar... = / ...e como em Guararapes soh existe uma familia Nakao... rsss... ...bom, qq coisa vai lah no meu perfil e me dah um "xingaum" que eu tiro, tah? X P

  7. japa pobre @ 25 Set, 2008 : 02:28
    torci pra ele no aprendiz

Comente



Todo mundo tem uma história para contar. Cadastre-se e conte a sua. Crie a árvore genealógica da sua família.

Árvore genealógica

Nenhuma árvore.

Histórias

Vídeos

  • Nenhum vídeo.

| mais fotos » Galeria de fotos

Áudios

  • Nenhum áudio.
 

Conheça mais histórias

mais perfis » Com o mesmo sobrenome

 

 

As opiniões emitidas nesta página são de responsabilidade do participante e não refletem necessariamente a opinião da Editora Abril


 
Este projeto tem a parceria da Associação para a Comemoração do Centenário da Imigração Japonesa no Brasil

Sobre o Projeto | Cadastro | Fale Conosco | Divulgação |Termo de uso | Política de privacidade | Associação | Expediente Copyright © 2007/08/09 MHIJB - Todos os direitos reservados